Noticias
'Farei mudanças na rotina da Lava Jato da PGR', diz Carlos Frederico
  • 'Farei mudanças na rotina da Lava Jato da PGR', diz Carlos Frederico

O procurador Carlos Frederico Santos, candidato a procurador geral da República, acredita que os processos da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF) não tem tido êxito e estão carentes em termos de condenações. 

 

"Farei mudanças na Lava Jato da PGR, na rotina de trabalho e na assessoria, buscando otimizar seus resultados, para que seja efetivamente produtiva”, afirmou ao blog. 

 

Carlos Frederico é um dos oito candidatos a lista tríplice organizada pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR). 

 

Marcada para o dia 27 deste mês, a eleição contará com os votos de cerca de 1300 procuradores para escolher os três principais nomes a sucessor de Rodrigo Janot, que deixa o cargo em setembro.

 

A sequência de três nomes será enviada ao presidente Michel Temer no momento em que ele é investigado na própria PGR pelos crimes de corrupção passiva, obstrução de justiça e organização criminosa. 

 

Apesar de poder escolher qualquer um dos três nomes, o primeiro da lista tem sido conduzido para liderar a PGR desde o governo Lula.

 

Carlos Frederico sempre esteve na oposição a Janot, procurador geral que assumiu o cargo em 2013 e comandou a Lava Jato desde o seu nascimento.

 

Ao blog, ele afirmou, contudo, que dará todo o apoio para que a Operação em Curitiba continue dando respostas eficazes para a sociedade. 

 

A seguir, a entrevista com o procurador que ingressou no Ministério Público em 1987:

 

Blog- Na sua opinião a Lava Jato precisa de algum aperfeiçoamento ou mudança de métodos? O senhor pretende alterar procedimentos? Quais?

 

Carlos Frederico Santos - Enquanto a Lava-Jato de Curitiba tem mostrado sua eficácia, a Lava Jato da Procuradoria Geral da República, ou seja, aquela que atua junto ao Supremo Tribunal Federal, não tem conseguido levar a êxito seu trabalho, carente que está em termos de condenações.

Darei todo o apoio necessário  para que a Lava Jato de Curitiba continue dando respostas eficazes para a sociedade. 

Farei mudanças na Lava Jato da PGR, na rotina de trabalho e na assessoria, buscando otimizar seus resultados, para que seja efetivamente produtiva.

 

Blog - O Ministério Público já foi criticado por excessos na operação. Qual a sua avaliação dessas críticas e do andamento da Lava Jato?

 

Carlos Frederico Santos - O descontentamento de investigados é um fato natural. A Lava-Jato de Curitiba adotou o caminho do meio. Já a Lava-Jato da Procuradoria Geral da Republica demonstra não ter adotado esse caminho, tem tomado medidas que nem a própria sociedade tem aprovado, as quais sequer produziram condenações.

 

Blog - Que outros focos, além do combate à corrupção, sua gestão promete tocar?

 

Carlos Frederico Santos - Precisamos lembrar que o Ministério Público não se encerra na sua atuação criminal. Como prevê a Constituição Federal de 1988, tem atuação muito mais ampla e abrangente nas mais diversas áreas.

Dessa forma, pretendo dar relevo, também, ao trabalho na área da tutela coletiva, no que destaco fiscalizar, estabelecer ou provocar a adequação de políticas públicas, inclusive com o uso de ativos financeiros recuperados pelas forças tarefa da área criminal. 

 

Blog -Qual a sua opinião sobre o abuso de poder? Mesmo deixando de lado o caráter político da questão como está colocada hoje, como evitar que autoridades do MP abusem de seu poder?

 

Carlos Frederico Santos - O controle para se evitar o abuso de poder já existe, seja pelos conselhos, como o Conselho Nacional do Ministério Público, seja pelas leis hoje existentes. Mas se o Congresso Nacional busca uma outra forma de controle dentro das atribuições de legislador que o faça amadurecendo o debate com as diversas categorias atingidas pelo ordenamento legal que se pretende estabelecer.

 

Blog - Qual é a sua proposta para evitar divergências entre MP e PF nos procedimentos investigatórios?

 

Carlos Frederico Santos - Acredito nos lemas "Eficiência e Eficácia" e "Diálogo e Cooperação". Pretendo evitar divergências e separações, buscando a soma de esforços na realização de um trabalho em prol da sociedade brasileira.

G1/Liberdade FM - Foto - Divulgação

16/06/2017/ 10:14:53
Outras Notícias
  • Bancos não oferecem consignado com garantia do FGTS; linha foi liberada em abril
Bancos não oferecem consignado com garantia do FGTS; linha foi liberada em abril
14/08/2017/ 10:43:53

Anunciado em abril pelo governo como nova opção de crédito e uma alternativa para o trabalhador trocar uma dívida cara por outra mais barata, o crédito consignado com o saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) como garantia ainda é promessa e não está sendo oferecido pelos bancos.O c...

  • Contratação de Paulinho é a quarta mais cara da história do Barcelona
Contratação de Paulinho é a quarta mais cara da história do Barcelona
14/08/2017/ 10:41:32

Aida de Paulinho para o Barcelona, confirmada nesta segunda-feira, se tonará a quarta maior transferência da história do clube catalão em valores absolutos. O valor de € 40 milhões pago ao Guangzhou Evergrande só é superado por Neymar, contratado ao Santos em 2013 por € 88,2 milhões, Luis Suárez, que deixou o L...

  • Corrida ao Senado: partidos já se mobilizam para as vagas de Aécio e Zezé Perrela
Corrida ao Senado: partidos já se mobilizam para as vagas de Aécio e Zezé Perrela
14/08/2017/ 10:38:28

A pouco mais de um ano das eleições, a corrida às duas vagas que serão disputadas no Senado em 2018 ganha cada vez mais força, e os partidos começam a se mobilizar para o pleito, que promete ter uma concorrência acirrada.Com a tendência de que Aécio Neves (PSDB) e Zezé Perrela (PMDB), que atualmente ocupam duas das ...

  • Moradores denunciam falta de água e Daepa diz que situação já está sendo normalizada
Moradores denunciam falta de água e Daepa diz que situação já está sendo normalizada
14/08/2017/ 10:36:36

PATROCÍNIO (MG) - Vários usuários ligaram para a redação do Patrocínio Online reclamando de falta de água nos em alguns pontos da cidade. As ligações, mensagens de WhatsApp e e-mail vieram principalmente dos Bairros Dona Diva e Morada Nova I e II.Segundo uma moradora a água chegou as 11 horas desse sábado ...

  • Forças Armadas sofrem corte de 44% dos recursos
Forças Armadas sofrem corte de 44% dos recursos
14/08/2017/ 10:29:23

Em meio à discussão da mudança da meta fiscal e de corte de gastos, as Forças Armadas pressionam pela recomposição no Orçamento, que nos últimos cinco anos sofreu redução de 44,5%. De 2012 para cá, os chamados recursos "discricionários" caíram de R$ 17,5 bilhões para R$ 9,7 bilhões. Os valores não incluem gastos obr...

  • 'Menino do Acre' reaparece e nega que sumiço seja jogada de marketing
'Menino do Acre' reaparece e nega que sumiço seja jogada de marketing
14/08/2017/ 10:26:51

Na última sexta-feira (11), chegou ao fim o mistério do “menino do Acre”: Bruno Borges voltou para casa dos pais, em Rio Branco, depois de quatro meses e meio desaparecido. Antes de sumir, o estudante de psicologia espalhou inscrições enigmáticas pelo próprio quarto. Ele diz que o objetivo dele com isso tudo er...