Noticias
Base do cadastro positivo é aprovada, mas faltam detalhes
  • Base do cadastro positivo é aprovada, mas faltam detalhes

BRASÍLIA. Após meses de negociações, o texto-base do projeto do novo cadastro positivo foi aprovado na noite de quarta-feira pelo plenário da Câmara, por 273 votos a 150. Houve uma abstenção. A Câmara ainda precisará votar destaques que poderão alterar a matéria, antes de a proposta voltar ao Senado. A aprovação do texto-base foi considerada uma vitória do governo e do Banco Central (BC).

Uma das bandeiras defendidas pelo BC, o projeto cria condições para que consumidores e empresas que pagam contas em dia acessem linhas de crédito com juros mais baixos. O texto traz novas regras para adesão ao cadastro. Pela lei atual, de 2011, ele é formado apenas por consumidores que solicitam a inclusão no banco de dados – o que, na prática, torna o cadastro irrelevante para análise de crédito. Com o projeto aprovado nessa quinta-feira (10), a inclusão será automática – o consumidor que quiser sair terá de solicitar a exclusão.

Cada pessoa terá uma pontuação conforme seu histórico de adimplência em operações de crédito e no pagamento de contas de água, esgoto, luz, gás e telefone, entre outras, antes não consideradas. Pessoas com renda mais baixa, por exemplo, que muitas vezes não possuem histórico de operações de crédito, entrarão no cadastro por pagarem contas de luz e telefone.

Para o BC, o risco das operações de crédito vai diminuir, o que permitirá a queda do spread – a diferença entre o custo de captação dos bancos e o que é efetivamente cobrado do consumidor final. Atualmente, o spread bancário médio está em 33,7 pontos percentuais no sistema bancário. Para os consumidores, ele chega a 49 pontos e, no caso das empresas, a 14,1 pontos. A intenção é que, com o tempo, o spread caia e os bancos ofereçam crédito mais barato para quem tiver pontuação maior.

Negociação. Sob relatoria do deputado federal Walter Ihoshi (PSD-SP), o texto foi aprovado em meio a intensa negociação. Para alguns parlamentares, a proposta abria espaço para utilização de dados sigilosos. O BC e o governo argumentavam que o sigilo bancário foi garantido pela lei, que prevê apenas o compartilhamento da pontuação dos consumidores.

A nova lei vai indicar que, em caso de danos a uma pessoa que faça parte do cadastro, serão responsabilizados de forma solidária o banco de dados, a fonte dos dados e o consulente. Outra mudança é que o BC deverá encaminhar ao Congresso, em até 24 meses após a vigência do cadastro, relatório sobre os resultados alcançados com as alterações da nova lei.

Aprova

“Serão oferecidas condições favoráveis de financiamento e juros a consumidores e empresas que estejam em dia.”
Bruno Falci, CDL-BH

Desaprova

“Somos contra este projeto devido, entre outros fatores, às possíveis falhas em questões como sigilo e compartilhamento de informações pessoais.”
Proteste


O Tempo/Liberdade FM - Foto - Divulgação

11/05/2018/ 09:37:45
Outras Notícias
  • Goleiro Fábio volta a La Bombonera em caminhada pela consagração na Libertadores
Goleiro Fábio volta a La Bombonera em caminhada pela consagração na Libertadores
19/09/2018/ 09:50:37

BUENOS AIRES – As quatro vitórias como visitante nos confrontos já disputados pelas Copas do Brasil e Libertadores em 2018 estão longe de ser um mérito ofensivo do Cruzeiro. Muito pelo contrario. Com apenas um gol sofrido nesses jogos de mata-mata pelas duas competições, a importância do setor defensivo do time de M...

  • Resgate de museu demorará anos e pode ter ajuda de 3D
Resgate de museu demorará anos e pode ter ajuda de 3D
19/09/2018/ 09:48:13

Segundo a Diretora da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) no Brasil, Marlova Jovchelovitch Noleto, o Museu Nacional, que teve a maior parte da estrutura destruída por um incêndio neste mês, tem um backup atualizado em fevereiro de todo o acervo, o que permitirá que, mesmo qu...

  • Tufão Mangkhut já matou 81 pessoas nas Filipinas
Tufão Mangkhut já matou 81 pessoas nas Filipinas
19/09/2018/ 09:46:16

O número de mortos com a passagem do tufão Mangkhut pelas Filipinas subiu nesta quarta-feira (19) para 81, informaram as autoridades, enquanto os socorristas prosseguem em sua busca de desaparecidos sob toneladas de lama trazidas por um deslizamento de terra. O mais potente no mundo desde o início do ano, o tuf...

  • Bolsonaro 'permanece estável' e sem alimentação oral, diz hospital
Bolsonaro 'permanece estável' e sem alimentação oral, diz hospital
17/09/2018/ 18:41:59

O candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, permanece internado na unidade semi-intensiva de acordo com boletim médico divulgado há pouco pelo Hospital Israelita Albert Einstein, onde ele permanece desde o último dia 7. Seu quadro clínico continua estável e sem intercorrências.Bolsonaro...

  • Prisão de Lula 'dificilmente' será derrubada por recurso a ser julgado no STF, diz Toffoli
Prisão de Lula 'dificilmente' será derrubada por recurso a ser julgado no STF, diz Toffoli
17/09/2018/ 18:40:09

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, afirmou nesta segunda-feira (17) que “dificilmente” a prisão de Luiz Inácio Lula da Silva será derrubada no julgamento em plenário de recurso apresentado pela defesa do ex-presidente.No recurso, a defesa tenta reverter decisão do próprio plenário que, em ...

  • Alckmin promete escola a todas as crianças de 4 e 5 anos
Alckmin promete escola a todas as crianças de 4 e 5 anos
17/09/2018/ 18:38:03

O candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, afirmou nesta segunda-feira (17), em Brasília, que, se eleito, vai garantir vagas na pré-escola para todas as crianças de 4 e 5 anos. O candidato também prometeu acesso à creche para crianças de até 3 anos.Ele se encontrou com a representante do F...