Noticias
Articulações nacionais podem inviabilizar terceira via em Minas
  • Articulações nacionais podem inviabilizar terceira via em Minas

A formação de alianças em nível nacional, no âmbito das pré-candidaturas de presidenciáveis, tem alterado o desenho da corrida eleitoral em Minas em pleno período de convenções. O recente apoio — ainda não formalizado — do centrão ao pré-candidato à Presidência Geraldo Alckmin (PSDB) afunilou a disputa pelo governo do Estado, que agora tende ainda mais à polarização entre Antonio Anastasia (PSDB) e o atual governador Fernando Pimentel (PT), comprometendo a possibilidade de viabilizar um dos dois pré-candidatos da terceira via no Estado.

Formado por PP, PR, DEM, PRB e Solidariedade (SD), o bloco do centrão aderiu ao projeto de Alckmin na última quinta-feira, ainda que haja divergência entre membros avulsos dos partidos. Mesmo assim, o apoio mexeu com as estruturas dos pré-candidatos ao Palácio da Liberdade porque as legendas do centrão devem cobrar posicionamento alinhado nos estados, ou seja, em composições com o PSDB do senador Antonio Anastasia, no caso de Minas. 

Nos bastidores, líderes tucanos especulam sobre uma facilidade maior para atrair o apoio do DEM. “A decisão do centrão facilita o entendimento com o DEM, que irá se somar a outros partidos do centro que estão com Anastasia”, disse uma fonte tucana.
O deputado federal Rodrigo Pacheco (DEM) ainda sustenta a pré-candidatura própria, mas disse que vai seguir a orientação nacional do DEM. 
“Minha tendência é aguardar a decisão do partido. Ainda que a decisão do DEM seja apoiar o PSDB nacionalmente, haverá uma liberação dos estados para fazer as composições que melhor sejam convenientes. Confio na sabedoria do DEM de nos liberar para seguir nosso caminho”, disse Pacheco.

O ex-prefeito de Belo Horizonte Marcio Lacerda (PSB) também enfrenta situação delicada. Apesar de sustentar a pré-candidatura própria, ele espera um convite para ser vice de Ciro Gomes (PDT) em corrida à Presidência, abrindo mão do governo de Minas. Sem o apoio do centrão, Ciro deve intensificar o namoro com o PSB em nível nacional, o que aumenta as chances de Lacerda em compor com o pedetista. 
“Será o PDT ou não terá aliança. A inteligência do partido acha que precisa ter uma posição clara a respeito da posição nacional”, disse Lacerda. 

Ele também descartou a chance de composição com o PT. “Teve um movimento em São Paulo (de apoio ao PT) e em Pernambuco, mas está sendo atenuado. Porque uma aliança nacional com o PT não seria aprovada”, completou Lacerda.

"Será o PDT ou não terá aliança. A inteligência do PSB acha que precisa ter uma posição clara a respeito da posição nacional. Mas uma aliança nacional com o PT não seria aprovada"

Márcio Lacerda

No plano nacional, o PT trabalha para atrair nomes de peso em uma composição tanto com o MDB quanto com o PSB, apesar das resistências de alas de ambas as legendas. 

Em Minas, o deputado federal Fábio Ramalho (MDB) fez coro para uma aliança com os petistas, como forma de ampliar a bancada federal e estadual do MDB, além de demonstrar simpatia pela pré-candidatura do ex-presidente Lula, caso ele seja autorizado a concorrer. 

Porém, com a pré-candidatura própria do MDB alinhada em torno de Adalclever Lopes, presidente da Assembleia Legislativa, o cenário pode mudar. Na hipótese de o PT ter outro candidato à Presidência, como são cogitados nomes como Fernando Haddad e Patrus Ananias, um apoio do MDB aos petistas pode ser revisto, afetando a aliança em Minas. 

“O MDB está acertando as suas diretrizes e quer formar uma chapa forte. É claro que o cenário pode mudar, principalmente com os apoios nacionais mais definidos. Mas uma coisa é o PT com Lula, outra é sem. Isso influencia, claro. E vamos aguardar para compor e, sim, outros partidos são bem-vindos”, disse Ramalho.

"Ainda que a decisão do partido seja apoiar o PSDB nacionalmente, haverá uma liberação dos estados para fazer as composições que melhor sejam convenientes. Confio na sabedoria do DEM

Rodrigo Pacheco


Convenções

Com as convenções marcadas para acontecer até 5 de agosto, segundo as regras estabelecidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a maioria dos partidos em Minas Gerais irá deixar a reunião que define as pré-candidaturas ao governo do Estado para os dois últimos dias do prazo. Confira abaixo a lista das convenções marcadas até o momento, por ordem cronológica:

Romeu Zema (Novo): 21 de julho (já realizada)
Antonio Anastasia (PSDB): 28 de julho
João Mares Guia (Rede): 30 de julho
Marcio Lacerda (PSB): 4 de agosto
Adalclever Lopes (MDB): 5 de agosto
Rodrigo Pacheco (DEM): 5 de agosto
Dirlene Marques (PSOL): Sem data definida
Fernando Pimentel (PT):  Sem data definida 


Hoje em Dia/Liberdade FM - Foto - Divulgação

23/07/2018/ 10:28:35
Outras Notícias
  • Maia se irrita com Carlos Bolsonaro e ameaça 'abandonar' Previdência
Maia se irrita com Carlos Bolsonaro e ameaça 'abandonar' Previdência
22/03/2019/ 13:50:10

 (DEM-RJ), avisou ao ministro da Economia, Paulo Guedes, nesta quinta-feira (21) que deixará a articulação política pela reforma da Previdência. Maia tomou a decisão após ler mais um post do vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), com fortes críticas a ele. Irritado, o deputado telefonou para Guedes e disse que, se...

  • Tribunal diz que deve analisar pedidos de soltura de Temer
Tribunal diz que deve analisar pedidos de soltura de Temer
22/03/2019/ 13:43:03

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) deve analisar, nesta sexta-feira (22), os pedidos de habeas corpus feitos pela defesa do ex-presidente Michel Temer (MDB). O caso está com o desembargador federal Ivan Athié.Relator do caso, Athié deve tomar uma decisão liminar — provisória — e depois submet...

  • Lama de Brumadinho chega a bacia do São Francisco
Lama de Brumadinho chega a bacia do São Francisco
22/03/2019/ 13:41:43

O temor de hidrologistas, ambientalistas e de quem depende das águas do Velho Chico se confirmou. É o que indica o relatório divulgado hoje, Dia Mundial da Água, pela Fundação SOS Mata Atlântica. De acordo com os dados levantados pelos técnicos da Fundação, a lama da Vale que causou morte e destruição em Brumad...

  • Diego posa de modelo, e Flamengo deseja estrear nova camisa já no clássico contra o Fluminense
Diego posa de modelo, e Flamengo deseja estrear nova camisa já no clássico contra o Fluminense
22/03/2019/ 13:38:11

“Quero ver no Diego!”, “A camisa vai ficar mais bonita na foto com o Diego”, “Não gostei tanto, mas quando o Diego vestir vou querer comprar”.As frases são apenas algumas das reações de torcedores ao novo uniforme número 1 do Flamengo ao longo da última semana. Pois então, o GloboEsporte.com teve acessos às imagens ...

  • Flamengo anuncia banco digital como seu patrocinador master até o fim de 2020
Flamengo anuncia banco digital como seu patrocinador master até o fim de 2020
22/03/2019/ 13:35:02

O Flamengo anunciou nesta sexta-feira seu novo patrocinador master, o banco digital BS2. O acordo vai até 2020, e o clube estima, "de forma conservadora", uma arrecadação anula superior a R$ 30 milhões. O contrato só entrará em vigor após análise e aprovação do Conselho Deliberativo.Uma imagem do protótipo de como f...

  • Economia insignificante na conta de luz; reajuste da tarifa terá pouco impacto no bolso
Economia insignificante na conta de luz; reajuste da tarifa terá pouco impacto no bolso
22/03/2019/ 13:33:31

A notícia de que o reajuste nas tarifas de energia das concessionárias nacionais seria 3,7% menor deixou muitos consumidores felizes. Especialistas alertam, no entanto, que a conta de luz vai continuar subindo e que o resultado é ínfimo, impactando em poucos pontos percentuais para baixo. “Não é motivo para comemora...