Noticias
STF pode julgar habeas corpus de Lula ainda neste ano, diz Fachin
  • STF pode julgar habeas corpus de Lula ainda neste ano, diz Fachin

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse nesta quarta-feira (7) acreditar na possibilidade de que seja julgado ainda neste ano na Corte o mais recente habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A defesa pede a soltura de Lula sob o argumento de que o juiz federal Sérgio Moro não agiu com imparcialidade.

“É possível, se os prazos forem cumpridos”, afirmou Fachin, em sessão plenária nesta quarta-feira (7). Nessa segunda-feira (6), ele deu prazo de cinco dias para Moro e o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) se manifestarem no processo. Em seguida, a Procuradoria-Geral da República terá o mesmo tempo para dar seu parecer.

Questionado se o caso deve ser, de fato, apreciado na Segunda Turma, e não no plenário do STF, Fachin afirmou que sim.

“A matéria é pacífica sobre o tema, creio que não há razão de enviar para o plenário como houve em outras hipóteses que havia questões importantes para que o plenário definisse. Como há jurisprudência assentada, a competência originariamente é da Turma”, disse.

Para o ministro Gilmar Mendes, que também integra a Segunda Turma, no entanto, o mais recente pedido de liberdade de Lula deve voltar a ser discutido em plenário. “Eu acho que a matéria acabará vindo para o plenário, acho que é natural”, disse.

“A Turma é que delibera. Acho que essa [de levar a plenário] é que será a avaliação. É uma decisão do colegiado, mas considerando a complexidade do tema, a delicadeza, os precedentes anteriores, é de se esperar que seja essa a decisão. Mas a Turma é soberana”, acrescentou Mendes.

Lula está preso desde 7 de abril na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, após ter sua condenação confirmada pelo TRF4, que impôs pena de 12 anos e um mês de prisão ao ex-presidente, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Argumentos

No pedido, a defesa de Lula volta a suscitar a suspeição do juiz Sérgio Moro para julgar Lula. Os argumentos foram reforçados após o magistrado ter aceitado o cargo de ministro da Justiça no governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro.

Os advogados de Lula querem que seja reconhecida a suspeição de Moro para julgar processos contra o ex-presidente e que sejam considerados nulos todos os atos processuais que resultaram na condenação no caso do triplex do Guarujá (SP).

O pedido ainda requer que sejam suspensas outras ações penais contra Lula que estavam sob a responsabilidade de Moro, como as que tratam de suposto favorecimento por meio da reforma de um sítio em Atibaia (SP) e de supostas propinas da empresa Odebrecht. Nesta última, o depoimento do ex-presidente está marcado para 14 de novembro.

“Lula está sendo vítima de verdadeira caçada judicial entabulada por um agente togado que se utilizou indevidamente de expedientes jurídicos para perseguir politicamente um cidadão, buscando nulificar, uma a uma, suas liberdades e seus direitos”, afirmam os advogados.

Em entrevista concedida nessa segunda-feira (6), Moro rebateu os argumentos da defesa de Lula. "Isso [o convite para ser ministro] não tem nada a ver com o processo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele foi condenado e preso porque cometeu um crime e não por causa das eleições", disse o juiz.


Hoje em Dia/Liberdade FM - Foto - Divulgação

08/11/2018/ 09:39:06
Outras Notícias
  • Ceará com mais de 160 ataques, medo na população e Força Nacional nas ruas
Ceará com mais de 160 ataques, medo na população e Força Nacional nas ruas
09/01/2019/ 09:26:15

A série de ataques criminosos contra ônibus, bancos, prefeituras, comércios e prédios públicos que atinge Ceará completou uma semana. Desde quarta-feira (2), o G1 contabilizou 164 ataques em 41 dos 184 municípios cearenses. Para tentar conter a onda de violência em Fortaleza e no interior, o estado re...

  • Fim da novela: após acordo com Cruzeiro, Flamengo acerta contratação de Arrascaeta
Fim da novela: após acordo com Cruzeiro, Flamengo acerta contratação de Arrascaeta
09/01/2019/ 09:24:37

Fim da maior novela da janela de transferências até o momento! Após se alinhar com o Cruzeiro, o MarcosBraz@marcosbrazrioA tranquilidade continua para seguir contratando... Gelo no sangue !24.4K10:33 PM - Jan 8, 2019Twitter Ads info and privacy10.7K people are talking about thisTwitter Ads info and privacyA NOV...

  • Trump alega 'crise humanitária' ao defender muro com o México
Trump alega 'crise humanitária' ao defender muro com o México
09/01/2019/ 09:21:07

O presidente dos EUA, Donald Trump, defendeu a construção do muro com o México em pronunciamento na noite de terça-feira (madrugada de quarta, no Brasil). Ele disse que há uma crise humanitária e de segurança na fronteira e voltou a culpar os democratas pela paralisia orçamentária."Meus compatriotas americanos,...

  • Previdência será apresentada com regime de capitalização, diz Guedes
Previdência será apresentada com regime de capitalização, diz Guedes
09/01/2019/ 09:18:56

O ministro da Economia, Paulo Guedes, informou nesta terça-feira (8) que o governo incluirá na proposta de reforma da Previdência Social, a ser enviada ao Congresso em fevereiro, a previsão de um regime de capitalização.A capitalização é uma espécie de poupança que o próprio trabalhador faz para assegurar a apo...

  • Tribunal de Tóquio rejeita pedido para libertar Ghosn
Tribunal de Tóquio rejeita pedido para libertar Ghosn
09/01/2019/ 09:16:35

O Tribunal Distrital de Tóquio rejeitou nesta quarta-feira (9) um pedido da defesa de Carlos Ghosn pela soltura do ex-presidente do conselho da Nissan, que está preso desde 19 de novembro acusado de irregularidades financeiras, segundo a imprensa local.Na véspera, o brasileiro apareceu em público pela primeira ...

  • Atualização do WhatsApp permite responder mensagens em particular nos grupos
Atualização do WhatsApp permite responder mensagens em particular nos grupos
09/01/2019/ 09:14:52

Já está disponível para Android e iOS uma atualização do aplicativo que permite simplificar a troca de mensagens em grupos. Agora é possível selecionar uma mensagem específica num grupo e respondê-la em particular para o contato. Antes era possível interagir dessa forma, apenas através da opção "Conversar com". A di...