Noticias
Por ordem de Bolsonaro, Petrobras desiste de aumentar preço do diesel
  • Por ordem de Bolsonaro, Petrobras desiste de aumentar preço do diesel

A Petrobras desistiu na noite desta quinta-feira (11) do aumento do preço do diesel nas refinarias anunciado mais cedo. O recuo na decisão da companhia ocorreu após uma determinação do presidente Jair Bolsonaro. Para justificar a manutenção do preço, a estatal afirmou que há margem para postergar o aumento do diesel por "alguns dias".

No início da tarde, a estatal chegou a informar que o valor médio do litro do combustível nas refinarias iria subir 5,74%, de R$ 2,1432 para R$ 2,2662, a partir desta sexta-feira (12).

Depois do anúncio do aumento, Bolsonaro determinou que a companhia revisasse a alta no preço do combustível.

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse que o diesel é importante para os caminhoneiros e para o transporte de cargas. O governo tem preocupação em não desagradar a categoria, que em maio do ano passado manteve bloqueios em rodovias por todo o país em protesto, principalmente, contra a alta do preço do diesel. As manifestações causaram uma série de problemas de abastecimento.

Lorenzoni afirmou, ainda, que um reajuste maior seria um "solavanco" na economia.

Na tabela disponível no site da Petrobras na noite desta quinta-feira, após o recuo da decisão da Petrobras, o preço do litro do diesel seguia em R$ 2,1432. O valor é o mesmo praticado desde 22 de março.


Em comunicado, a companhia informou que "em consonância com sua estratégia para os reajustes dos preços do diesel divulgada em 25/3/2019, revisitou sua posição de hedge e avaliou ao longo do dia, com o fechamento do mercado, que há margem para espaçar mais alguns dias o reajuste no diesel".

Reajuste mais longo

Em 26 de março, a companhia anunciou que os preços do diesel passariam a ser reajustados por períodos não inferiores a 15 dias. Com isso, a companhia abandonou, somente para o diesel, o formato usado desde 3 de julho de 2017 que previa reajustes com maior periodicidade, inclusive diariamente.

No fim do ano passado, o governo anunciou o fim do programa de subsídios lançado após a greve dos caminhoneiros. A proposta tinha sido criada como uma resposta ao movimento grevista.


G1/Liberdade FM - Foto - Divulgação

12/04/2019/ 08:36:36
Outras Notícias
  • Senado aprova projeto que obriga plano de saúde a cobrir Covid-19
Senado aprova projeto que obriga plano de saúde a cobrir Covid-19
21/05/2020/ 10:01:45

o de saúde a dar cobertura para tratamento da covid-19Pela proposta, seguradoras também terão de cobrir casos de morte provocada pelo coronavírus. Texto foi aprovado por unanimidade e seguirá para votação na Câmara.Por Sara Resende, TV Globo  Atualizado há 12 horasO Senado aprovou por unanim...

  • Caixa paga hoje novos lotes de R$ 600; veja quem recebe
Caixa paga hoje novos lotes de R$ 600; veja quem recebe
21/05/2020/ 09:54:37

A Caixa Econômica Federal (CEF) credita nesta quinta-feira (21) novos lotes do Auxílio Emergencial, tanto da primeira parcela, para novos aprovados, quanto da segunda, para quem recebeu a anterior até 30 de abril.Veja quem recebe nesta quinta:Segunda parcela: 5,3 milhões trabalhadores inscritos no Cad...

  • Mario Frias aceita convite de Bolsonaro para assumir Cultura
Mario Frias aceita convite de Bolsonaro para assumir Cultura
21/05/2020/ 09:52:13

O ator e apresentador Mario Frias aceitou o convite do presidente Jair Bolsonaro para assumir a Secretaria Especial de Cultura na noite desta quarta-feira. Ele substituirá a atriz Regina Duarte, que ficou pouco mais de dois meses na função e irá comandar a Cinemateca, em São Paulo.A informação do "sim" dito por Fria...

  • Paulo Marinho depõe por cinco horas e, ao sair, alega sigilo
Paulo Marinho depõe por cinco horas e, ao sair, alega sigilo
21/05/2020/ 09:50:29

O depoimento foi prestado a delegados da PF e procuradores do Ministério Público Federal. Enquanto os policiais reabriram um procedimento antigo sobre o suposto vazamento da operação Furna da Onça, o MPF abriu um inquérito a partir das declarações do empresário."Para não prejudicar as investigações, não posso dar ne...

  • Lula pede desculpas após fala polêmica sobre o coronavírus
Lula pede desculpas após fala polêmica sobre o coronavírus
21/05/2020/ 09:49:19

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi às redes sociais para pedir desculpas por uma declaração que deu sobre a pandemia do coronavírus em uma entrevista à revista Carta Capital, divulgada nesta terça-feira (19). Durante a conversa, que foi gravada em vídeo, o petista chegou a di...

  • Governo adia o Enem e embaralha o calendário universitário
Governo adia o Enem e embaralha o calendário universitário
21/05/2020/ 09:47:43

.Fuvest e UnicampVestibulares como os da Fuvest, que seleciona os candidatos para a Universidade de São Paulo (USP), e da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), por exemplo, utilizam o Enem para preencher parte de suas vagas. Segundo o reitor da Unicamp, Marcelo Knobel, o calendário ainda será discutido na ins...