Noticias
Trump e rainha Elizabeth celebram os 75 anos do 'Dia D' da Segunda Guerra Mundial
  • Trump e rainha Elizabeth celebram os 75 anos do 'Dia D' da Segunda Guerra Mundial

O presidente dos Estados UnidosDonald Trump, e a rainha Elizabeth II participam, nesta quarta-feira (5), de celebrações pelos 75 anos do "Dia D" da Segunda Guerra Mundial - data em que soldados Aliados chegaram à Normandia, no noroeste da França, para lutar contra os nazistas.

As homenagens acontecem na cidade de Portsmouth, no sul da Inglaterra, no último dia da viagem do presidente americano ao Reino Unido.

"Há 75 anos, centenas de milhares de jovens soldados, marinheiros e aviadores deixaram estas margens pela causa da liberdade. Muitos deles nunca voltariam, e o heroísmo, coragem e sacrifício daqueles que perderam suas vidas nunca serão esquecidos", disse a rainha Elizabeth.

A rainha Elizabeth II discursa para os presentes durante cerimônias em homenagem ao "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson / Pool / AFPA rainha Elizabeth II discursa para os presentes durante cerimônias em homenagem ao "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson / Pool / AFP

A rainha Elizabeth II discursa para os presentes durante cerimônias em homenagem ao "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson / Pool / AFP

Ela também agradeceu aos mais de 150 mil soldados que participaram da batalha.

Além de Trump e da monarca inglesa, participam das cerimônias líderes mundiais como a primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May; o presidente da França, Emmanuel Macron; a chanceler alemã, Angela Merkel; e o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau. Cerca de 300 ex-combatentes da Segunda Guerra também estão presentes.

Veterano da Segunda Guerra Mundial enxuga os olhos durante as celebrações do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Alex Brandon/APVeterano da Segunda Guerra Mundial enxuga os olhos durante as celebrações do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Alex Brandon/AP

Veterano da Segunda Guerra Mundial enxuga os olhos durante as celebrações do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Alex Brandon/AP

Durante as homenagens, Trump leu um trecho de uma oração que o então presidente Franklin D. Roosevelt leu aos cidadãos dos Estados Unidos na véspera da operação do Dia D, em 1944, diz o "New York Times".

No ano passado, o americano foi criticado por não ter ido a um memorial da Primeira Guerra Mundial, em Paris, por causa da chuva.

O presidente francês leu a última carta de um soldado francês que foi executado aos 16 anos, segundo o jornal britânico "The Guardian", e o primeiro-ministro canadense contou, em inglês e francês, a história do avô dele, que lutou na guerra. A premiê britânica, Theresa May, também leu uma carta de um combatente que morreu na batalha.

Veja fotos das celebrações:

Veteranos da Segunda Guerra Mundial participam de homenagem pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Mnadel Ngan/AFPVeteranos da Segunda Guerra Mundial participam de homenagem pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Mnadel Ngan/AFP

Veteranos da Segunda Guerra Mundial participam de homenagem pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Mnadel Ngan/AFP

Força Aérea Real Britânica faz homenagem aos 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, Inglaterra. — Foto: Alex Brandon/APForça Aérea Real Britânica faz homenagem aos 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, Inglaterra. — Foto: Alex Brandon/AP

Força Aérea Real Britânica faz homenagem aos 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, Inglaterra. — Foto: Alex Brandon/AP

O príncipe Charles, a rainha Elizabeth II e o presidente americano, Donald Trump, durante celebrações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Matt Dunham/APO príncipe Charles, a rainha Elizabeth II e o presidente americano, Donald Trump, durante celebrações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Matt Dunham/AP

O príncipe Charles, a rainha Elizabeth II e o presidente americano, Donald Trump, durante celebrações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Matt Dunham/AP

O presidente francês, Emmanuel Macron, discursa durante cerimônia em homenagem ao "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFPO presidente francês, Emmanuel Macron, discursa durante cerimônia em homenagem ao "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFP

O presidente francês, Emmanuel Macron, discursa durante cerimônia em homenagem ao "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFP

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, durante as celebrações do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFPA primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, durante as celebrações do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFP

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, durante as celebrações do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFP

O presidente americano, Donald Trump, fala durante celebrações do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, na Inglaterra. — Foto: Mandel NGAN/AFPO presidente americano, Donald Trump, fala durante celebrações do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, na Inglaterra. — Foto: Mandel NGAN/AFP

O presidente americano, Donald Trump, fala durante celebrações do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, na Inglaterra. — Foto: Mandel NGAN/AFP

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, fala durante celebrações pelo "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Mandel Ngan/AFPO primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, fala durante celebrações pelo "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Mandel Ngan/AFP

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, fala durante celebrações pelo "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Mandel Ngan/AFP

Rainha Elizabeth II cumprimenta líderes mundiais junto com a primeira-ministra britânica, Theresa May, durante cerimônias do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Reprodução Twitter/Família real britânicaRainha Elizabeth II cumprimenta líderes mundiais junto com a primeira-ministra britânica, Theresa May, durante cerimônias do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Reprodução Twitter/Família real britânica

Rainha Elizabeth II cumprimenta líderes mundiais junto com a primeira-ministra britânica, Theresa May, durante cerimônias do Dia D em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Reprodução Twitter/Família real britânica

Veterano assiste a homenagens pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Alex Brandon/APVeterano assiste a homenagens pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Alex Brandon/AP

Veterano assiste a homenagens pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Alex Brandon/AP

Presidente francês, Emmanuel Macron, cumprimenta a primeira-dama americana, Melania Trump, durante celebrações pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jack Hill/Pool via APPresidente francês, Emmanuel Macron, cumprimenta a primeira-dama americana, Melania Trump, durante celebrações pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jack Hill/Pool via AP

Presidente francês, Emmanuel Macron, cumprimenta a primeira-dama americana, Melania Trump, durante celebrações pelos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jack Hill/Pool via AP

O presidente americano, Donald Trump, e a esposa, Melania Trump, com a rainha Elizabeth II e o príncipe Charles durante celebrações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jeff J Mitchell/Pool via ReutersO presidente americano, Donald Trump, e a esposa, Melania Trump, com a rainha Elizabeth II e o príncipe Charles durante celebrações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jeff J Mitchell/Pool via Reuters

O presidente americano, Donald Trump, e a esposa, Melania Trump, com a rainha Elizabeth II e o príncipe Charles durante celebrações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jeff J Mitchell/Pool via Reuters

Ex-combatente americano da Segunda Guerra, Vincent Speranza fala com a imprensa em Carentan, na Normandia, nesta quarta-feira (5), data que marcou os 75 anos do "Dia D". — Foto: Ludovic Marin/AFPEx-combatente americano da Segunda Guerra, Vincent Speranza fala com a imprensa em Carentan, na Normandia, nesta quarta-feira (5), data que marcou os 75 anos do "Dia D". — Foto: Ludovic Marin/AFP

Ex-combatente americano da Segunda Guerra, Vincent Speranza fala com a imprensa em Carentan, na Normandia, nesta quarta-feira (5), data que marcou os 75 anos do "Dia D". — Foto: Ludovic Marin/AFP

Equipe de acrobacia da Força Aérea Real Britânica faz apresentação em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson/Pool via ReutersEquipe de acrobacia da Força Aérea Real Britânica faz apresentação em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson/Pool via Reuters

Equipe de acrobacia da Força Aérea Real Britânica faz apresentação em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson/Pool via Reuters

Rainha Elizabeth II chega ao evento de comemoração dos 75 anos do Dia D nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, na Inglaterra. — Foto: Carlos Barria/ReutersRainha Elizabeth II chega ao evento de comemoração dos 75 anos do Dia D nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, na Inglaterra. — Foto: Carlos Barria/Reuters

Rainha Elizabeth II chega ao evento de comemoração dos 75 anos do Dia D nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, na Inglaterra. — Foto: Carlos Barria/Reuters

O veterano Bertie Billet participa das comemorações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson/Pool via APO veterano Bertie Billet participa das comemorações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson/Pool via AP

O veterano Bertie Billet participa das comemorações dos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Chris Jackson/Pool via AP

O presidente americano, Donald Trump, a chanceler alemã, Angela Merkel, e o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, participaram das celebrações pelo "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra nesta quarta-feira (5). — Foto: Carlos Barria/ReutersO presidente americano, Donald Trump, a chanceler alemã, Angela Merkel, e o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, participaram das celebrações pelo "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra nesta quarta-feira (5). — Foto: Carlos Barria/Reuters

O presidente americano, Donald Trump, a chanceler alemã, Angela Merkel, e o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, participaram das celebrações pelo "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra nesta quarta-feira (5). — Foto: Carlos Barria/Reuters

Tom Rice, 97, que serviu na Aeronáutica, faz um salto de paraquedas comemorativo na costa da Normandia nesta quarta-feira (5). — Foto: Pascal Rossignol/ReutersTom Rice, 97, que serviu na Aeronáutica, faz um salto de paraquedas comemorativo na costa da Normandia nesta quarta-feira (5). — Foto: Pascal Rossignol/Reuters

Tom Rice, 97, que serviu na Aeronáutica, faz um salto de paraquedas comemorativo na costa da Normandia nesta quarta-feira (5). — Foto: Pascal Rossignol/Reuters

Artistas fazem apresentação durante cerimônias em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Toby Melville/ReutersArtistas fazem apresentação durante cerimônias em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Toby Melville/Reuters

Artistas fazem apresentação durante cerimônias em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Toby Melville/Reuters

Ex-combatente britânico da Segunda Guerra Jim Booth posa para foto durante as homenagens em Portmouth, Inglaterra, que marcaram os 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFPEx-combatente britânico da Segunda Guerra Jim Booth posa para foto durante as homenagens em Portmouth, Inglaterra, que marcaram os 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFP

Ex-combatente britânico da Segunda Guerra Jim Booth posa para foto durante as homenagens em Portmouth, Inglaterra, que marcaram os 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5). — Foto: Daniel Leal-Olivas/AFP

 Emmanuel Macron, presidente da França, cumprimenta veteranos da Segunda Guerra durante cerimônia em Portsmouth nesta quarta-feira (5). — Foto: Carlos Barria/Reuters Emmanuel Macron, presidente da França, cumprimenta veteranos da Segunda Guerra durante cerimônia em Portsmouth nesta quarta-feira (5). — Foto: Carlos Barria/Reuters

Emmanuel Macron, presidente da França, cumprimenta veteranos da Segunda Guerra durante cerimônia em Portsmouth nesta quarta-feira (5). — Foto: Carlos Barria/Reuters

Atores vestidos em uniformes militares da Segunda Guerra Mundial participam das cerimônias em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Matt Dunham/APAtores vestidos em uniformes militares da Segunda Guerra Mundial participam das cerimônias em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Matt Dunham/AP

Atores vestidos em uniformes militares da Segunda Guerra Mundial participam das cerimônias em homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Matt Dunham/AP

Integrantes das Forças Armadas britânicas fizeram homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Toby Melville/ReutersIntegrantes das Forças Armadas britânicas fizeram homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Toby Melville/Reuters

Integrantes das Forças Armadas britânicas fizeram homenagem aos 75 anos do "Dia D" em Portsmouth, Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Toby Melville/Reuters

Veterano da Segunda Guerra assiste a homenagens pelos 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, Inglaterra. — Foto: Carlos Barria/ReutersVeterano da Segunda Guerra assiste a homenagens pelos 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, Inglaterra. — Foto: Carlos Barria/Reuters

Veterano da Segunda Guerra assiste a homenagens pelos 75 anos do "Dia D" nesta quarta-feira (5) em Portsmouth, Inglaterra. — Foto: Carlos Barria/Reuters

Líderes mundiais, entre eles a rainha Elizabeth II e o presidente americano Donald Trump, posam para fotografia nas celebrações do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jack Hill/Pool via ReutersLíderes mundiais, entre eles a rainha Elizabeth II e o presidente americano Donald Trump, posam para fotografia nas celebrações do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jack Hill/Pool via Reuters

Líderes mundiais, entre eles a rainha Elizabeth II e o presidente americano Donald Trump, posam para fotografia nas celebrações do "Dia D" em Portsmouth, na Inglaterra, nesta quarta-feira (5). — Foto: Jack Hill/Pool via Reuters


G1/Liberdade FM - Foto - Divulgação

05/06/2019/ 10:54:57
Outras Notícias
  • Câmara aprova versão desidratada de pacote anticrime de Moro
Câmara aprova versão desidratada de pacote anticrime de Moro
05/12/2019/ 10:49:18

Após dez meses de negociações, a Câmara aprovou nesta quarta-feira, 4, o texto-base do pacote anticrime do ministro da Justiça, Sérgio Moro, desidratado e sem as principais propostas apresentadas pelo ex-juiz da Lava Jato em fevereiro. A votação é uma derrota para Moro e para a "ba...

  • Premiê japonês apresenta plano de US$ 120 bi para evitar recessão
Premiê japonês apresenta plano de US$ 120 bi para evitar recessão
05/12/2019/ 10:42:33

O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, apresentou nesta quinta-feira um grande plano de recuperação econômica dotado com 13 trilhões de ienes (cerca de US$ 120 bilhões) para evitar que o país entre em recessão em 2020.Quase metade dos investimentos públicos será destinada ao reparo e modernização de infraestrutur...

  • Alvo de piadas, Trump deixa mais cedo a cúpula da Otan
Alvo de piadas, Trump deixa mais cedo a cúpula da Otan
05/12/2019/ 10:41:09

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, cancelou abruptamente uma entrevista e foi embora mais cedo da reunião de cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) na quarta-feira (4), que aconteceu em Londres.Trump anunciou em uma rede social que iria embora mais cedo: “Quando os encontros...

"Eduardo é um dos líderes da milicia digital", ataca Joice
05/12/2019/ 10:39:06

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) apontou o colega de Câmara Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) como um dos líderes do que chamou de "milícia digital" para apoiar o governo Bolsonaro e criticar opositores. A declaração foi dada durante a CPI das Fake News, nesta quarta-feira (04). Aliada ...

  • Senado aprova nova Previdência e aumento para militares
Senado aprova nova Previdência e aumento para militares
05/12/2019/ 10:36:37

O plenário do Senado aprovou em votação simbólica, nesta quarta-feira, 4, o projeto de reforma na aposentadoria dos militares das Forças Armadas, policiais militares e bombeiros. O texto também trata da reestruturação das carreiras militares. Agora, segue para sanção do presidente da República.A ...

  • TV argentina crava Sampaoli no Brasil; 3 clubes disputam
TV argentina crava Sampaoli no Brasil; 3 clubes disputam
05/12/2019/ 10:35:06

Especulado no Racing, o atual treinador do Santos, Jorge Sampaoli, não deve retornar ao futebol argentino. Segundo o canal TNT Sports, o comandante seguirá no Brasil e estuda propostas de Palmeiras e Flamengo para a temporada 2020, além de analisar a chance de seguir no próprio time alv...