Noticias
Deputados articulam esvaziar ainda mais pacote anticrime de Moro
  • Deputados articulam esvaziar ainda mais pacote anticrime de Moro

O grupo de trabalho da Câmara dos Deputados que analisa o pacote anticrime deve impor uma nova derrota o ministro da Justiça, Sergio Moro, nesta quarta-feira (14).

Segundo o blog apurou, integrantes do grupo se articulam para retirar o chamado "excludente de ilicitude" e o "banco genético", pontos defendidos pelo ministro (leia detalhes mais abaixo).

Na semana passada, o grupo já havia decidido retirar o chamado "plea bargain" (acordo para redução de pena) do pacote. A proposta era defendida por Moro como um dos pontos mais importantes para, segundo ele, desafogar o Poder Judiciário.

Além disso, em julho, o grupo retirou do projeto a previsão de prisão após condenação em segunda instância.

Todas essas medidas têm sido adotadas porque o pacote enfrenta resistência por parte de deputados que integram o grupo de trabalho.

Entenda

O "excludente de ilicitude" visa livrar de punição o agente de segurança que mate alguém "em conflito armado ou em risco iminente de conflito armado".

Já o banco genético retira a exigência de que o material genético seja extraído de pessoas que cometeram somente crimes com violência.

A expectativa entre parlamentares é que, nesta quarta-feira, os principais pontos do relatório levem em consideração as propostas do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e não as de Moro. A estratégia é esvaziar a agenda do ministro da Justiça.

Direto no plenário

Deputados passaram a costurar nas últimas semanas com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), uma estratégia para eliminar a discussão em comissão especial e levar o pacote anticrime diretamente ao plenário da Câmara, acelerando a votação.

Parlamentares ouvidos pelo blog argumentam que o grupo de trabalho já funcionou como uma espécie de comissão especial.

Também nos últimos dias, deputados passaram a discutir nos bastidores se é o caso de apresentar algum projeto, ou incluir no debate, uma proposta para definir critérios para o instrumento da delação premiada.

A delação premiada foi o principal meio das investigações da Lava Jato, conduzidas por Moro, quando juiz em Curitiba, e que levou à cadeia políticos de diferentes partidos a partir de informações relatadas em colaborações premiadas. Políticos e advogados, desde então, questionam o método.


G1/Liberdade FM - Foto - Divulgação

14/08/2019/ 10:44:54
Outras Notícias
  • Bolsonaro ficará afastado do cargo por mais 4 dias, diz porta-voz
Bolsonaro ficará afastado do cargo por mais 4 dias, diz porta-voz
13/09/2019/ 09:53:59

O presidente Jair Bolsonaro (PSL), que se recupera de uma cirurgia realizada em São Paulo, ficará afastado do cargo por mais quatro dias, segundo nota divulgada na tarde desta quinta-feira (12) pelo porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros.A previsão inicial era a de que Bolsonaro reassumisse o ca...

  • Quase 3 meses após morte, polícia mira no passado de Flordelis
Quase 3 meses após morte, polícia mira no passado de Flordelis
13/09/2019/ 09:50:50

A morte do pastor Anderson do Carmo, marido da deputada federal Flordelis dos Santos (PSD), completa três meses no próximo dia 16. Na segunda fase das investigações do crime, a Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo tem mirado no passado da parlamentar e da vítima. Os policiais estão le...

  • Maduro não participará da Assembleia Geral da ONU
Maduro não participará da Assembleia Geral da ONU
13/09/2019/ 09:49:02

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou nesta quinta-feira (12) que não participará da Assembleia Geral da ONU neste mês de setembro, em Nova York, no momento em que trava uma luta pelo poder com o líder opositor Juan Guaidó."Fui o ano passado para Nova York, mas este ano vou ficar aq...

  • Câmara dos Deputados argentina aprova lei de emergência alimentar
Câmara dos Deputados argentina aprova lei de emergência alimentar
13/09/2019/ 09:46:38

A Câmara dos Deputados da Argentina aprovou por unanimidade na quinta-feira (12) um projeto de lei alimentar de emergência para permitir maiores recursos aos programas sociais. O texto ainda precisa ser ratificado pelo Senado.Milhares de argentinos pedem que seja decretada emergência alimentar no paísA proposta, que...

  • Polícia pede DNA às famílias para identificar vítimas de milícia no RJ
Polícia pede DNA às famílias para identificar vítimas de milícia no RJ
13/09/2019/ 09:45:24

Ossadas de vítimas de uma milícia que atuava em Queimados, na Baixada Fluminense, estão sendo analisadas para identificação pela Polícia Civil do Rio. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense já pediu a duas famílias de vítimas da organização criminosa que façam exames de DNA para auxiliar no processo.A políc...

  • Dólar cai ante real com exterior positivo em meio a negociações comerciais EUA-China
Dólar cai ante real com exterior positivo em meio a negociações comerciais EUA-China
13/09/2019/ 09:43:09

O dólar caía ante o real nos primeiros negócios desta sexta-feira, indo à casa de 4,05 reais, em um dia de forma geral fraco para a moeda norte-americana no mundo, na esteira de expectativas positivas quanto às discussões comerciais entre Estados Unidos e China.Às 9h10, o dólar à vista caía 0,23%, a 4,0499 reais na ...