Noticias
Câmara dos Deputados argentina aprova lei de emergência alimentar
  • Câmara dos Deputados argentina aprova lei de emergência alimentar

A Câmara dos Deputados da Argentina aprovou por unanimidade na quinta-feira (12) um projeto de lei alimentar de emergência para permitir maiores recursos aos programas sociais. O texto ainda precisa ser ratificado pelo Senado.

A proposta, que prevê um aumento de 50% nos valores para programas de assistência alimentar, equivalente a cerca de 8 bilhões de pesos (cerca de R$ 547 milhões), foi apoiada por 222 deputados, uma abstenção e nenhum voto contrário.

"Estamos enfrentando um problema de fome, desnutrição e uma queda acentuada de renda", disse Daniel Arroyo, coautor do projeto e membro do partido do candidato peronista de centro-esquerda Alberto Fernández, um favorito para as eleições de 27 de outubro.

"Todos nós temos que ajudar em um contexto complicado em que muitas pessoas têm dificuldade", acrescentou ele em seu discurso.

Manifestações para provar medida

Desde quarta-feira (11), milhares de manifestantes dos movimentos sociais acamparam perto do Congresso para exigir mais atenção em programas de assistência social e em cozinhas e escolas.

A emergência econômica e social está em vigor na Argentina desde 2002, quando o país passou por sua pior crise, e deve ser renovada periodicamente. O projeto de lei atual estende a emergência até dezembro de 2022.

"O grande problema é que mantivemos a pobreza ao longo do tempo. Não temos capacidade para produzir programas econômicos", disse a deputada Graciela Camaño, da coalizão centrista do Consenso Federal.

Segundo a FAO, Venezuela, Guatemala e Argentina foram os países da América Latina onde a fome mais aumentou durante 2018

G1/Liberdade FM - Foto - Divulgação

13/09/2019/ 09:46:38
Outras Notícias
  • Times europeus fazem calendário de volta do futebol
Times europeus fazem calendário de volta do futebol
27/05/2020/ 09:52:26

Único torneio nacional entre as grandes ligas europeias que já reiniciou as atividades, a Alemanha teve nesta terça o principal clássico da Bundesliga. O Bayern de Munique venceu o Borussia Dortmund por 1 a 0, abriu 7 pontos de vantagem na liderança e, a 8 rodadas do fim da competição, deu passo importante rumo ao 8...

  • Após prorrogação, prazo de inscrições para o Enem 2020 se encerra hoje
Após prorrogação, prazo de inscrições para o Enem 2020 se encerra hoje
27/05/2020/ 09:50:10

O prazo de inscrição, que pelo cronograma inicial deveria ter sido encerrado na sexta-feira (22), foi estendido para esta quarta após apelo do Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Educação (Consed) devido ao impacto da pandemia do coronavírus.Com aulas suspensas em todos os estados, o Consed afirma qu...

  • Vacina da Covid-19: conheça a situação das maiores pesquisas
Vacina da Covid-19: conheça a situação das maiores pesquisas
27/05/2020/ 09:46:56

Em meio à pandemia do novo coronavírus, laboratórios e governos de todo o mundo participam da corrida por uma vacina. Dez pesquisas já estão em fase de testes no momento, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), e outras 114 continuam sendo desenvolvidas. Apesar da divulgação de alguns resultados ini...

  • Capital paulista negocia regra especial para abrir economia
Capital paulista negocia regra especial para abrir economia
27/05/2020/ 09:40:56

Os planos regionais para reabertura econômica do Estado de São Paulo, que serão apresentados nesta quarta-feira, 27, preveem retomada escalonada das atividades, conforme o risco de cada setor, em um processo que levará até oito semanas para ser finalizado, no melhor cenário, e que dependerá do aval de autoridad...

  • Cármen Lúcia e Celso de Mello rebatem ataques a magistrados
Cármen Lúcia e Celso de Mello rebatem ataques a magistrados
27/05/2020/ 09:39:33

A presidente da 2ª turma do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, e o decano da corte, Celso de Mello, rebateram ataques feitos a magistrados na última semana durante reunião do colegiado desta terça-feira.Ministros do STF têm sido alvo de críticas do presidente Jair Bolsonaro e de outros integrant...

  • França revoga hidroxicloroquina para tratamento da covid-19
França revoga hidroxicloroquina para tratamento da covid-19
27/05/2020/ 09:38:17

O governo francês cancelou nesta quarta-feira um decreto que permitia a médicos de hospitais administrar hidroxicloroquina como tratamento para pacientes que sofrem formas graves da covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus.A medida, que tem efeito imediato, é a primeira tomada por um país desde que a Organiz...