Noticias
Exército gastou R$ 6 mi para simular guerra por Amazônia
  • Exército gastou R$ 6 mi para simular guerra por Amazônia

O Exército brasileiro gastou R$ 6 milhões em combustível, horas de voo e transporte para realizar simulações de uma guerra entre dois países na Amazônia, informou o jornal O Globo, citando informações obtidas por meio da Lei de Acesso à Informação.


De acordo com a publicação, os exercícios aconteceram nas cidades de Manacapuru, Moura e Novo Airão (AM), entre 8 e 22 de setembro e envolveram pelo menos 3,6 militares.


Uma das simulações coincidiu com a data em que o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, visitou Roraima, na região de fronteira com a Venezuela, e participou de uma reunião com o ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, para debater a crise na Venezuela.

Ainda segundo o jornal, o exercício de guerra foi desenvolvido em um campo de batalha em que soldados do país 'Azul' tinham que expulsar invasores do país 'vermelho'. "Dentro da situação criada e com os meios adjudicados, foi a primeira vez que ocorreu este tipo de operação", informou o Exército ao jornal.

Batizada de Operação Amazônia, a ação teve um custo de R$ 6 milhões, que saíram do Comando de Operações Terrestres (Coter).

Durante os exercícios foram empregados diversos meios militares, como aeronaves, viaturas, embarcações regionais, sistema de lançamento de foguetes, entre outros.

O ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva, e o comandante do Exército, Edson Leal Pujol, foram à região do 'conflito' no dia 14 de setembro e acompanharam os disparos de mísseis.

Em declaração à publicação, o Comando Militar da Amazônia informou que 20 foguetes foram disparados pela artilharia do Exército no dia 15, na altura do quilômetro 61 da rodovia AM-010, com o objetivo de neutralizar uma base oponente.

 A 'guerra' foi realizada no momento de tensão entre o Brasil e a Venezuela, principalmente porque o governo de Jair Bolsonaro anunciou a retirada de status diplomático de funcionários venezuelanos, representantes do governo de Nicolás Maduro em Brasília.

Portal Terra/Liberdade FM - Foto - Divulgação

15/10/2020/ 09:35:37
Outras Notícias
  • O que ocorre se Trump e Biden empatarem no Colégio Eleitoral?
O que ocorre se Trump e Biden empatarem no Colégio Eleitoral?
26/10/2020/ 12:47:46

Num país em que o ambiente político está polarizado ao extremo, o número 269 equivale para os americanos ao cenário de um pesadelo — ou seja, democratas e republicanos saem empatados com a mesma fração de delegados no Colégio Eleitoral.As pesquisas têm indicado uma vantagem estável para Joe Biden sobr...

  • Ministro afirma que Cristiano Ronaldo é investigado por quebra de protocolo
Ministro afirma que Cristiano Ronaldo é investigado por quebra de protocolo
26/10/2020/ 12:44:28

O ministro dos Esportes da Itália, Vincenzo Spadafora, voltou a criticar Cristiano Ronaldo, que se recupera do coronavírus. De acordo com ele, o craque da Juventus violou os protocolos sanitários para evitar a propagação da doença ao se apresentar à seleção de Portugal na última Data Fifa, retornando ao país infecta...

  • Deputados articulam projeto para destravar reformas e PEC da 2ª instância
Deputados articulam projeto para destravar reformas e PEC da 2ª instância
26/10/2020/ 12:42:03

Lideranças partidárias na Câmara dos Deputados articulam a votação de um projeto de resolução para autorizar o retorno dos trabalhos das chamadas comissões especiais na Casa.Esses colegiados apreciam o mérito de matérias importantes, como propostas de emenda à Constituição (PECs), mas estavam suspensos dur...

  • Bolsonaro se irrita com cobrança sobre o preço alto do arroz
Bolsonaro se irrita com cobrança sobre o preço alto do arroz
26/10/2020/ 12:39:35

Durante passeio de moto em Brasília neste domingo, 25, o presidente Jair Bolsonaro irritou-se com o pedido de um homem, não identificado, sobre o preço do arroz. O chefe do Executivo fez um passeio hoje por regiões do Distrito Federal acompanhado dos ministros Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo, e Braga Ne...

  • Brasil gasta mais na pandemia e fica pior que emergentes
Brasil gasta mais na pandemia e fica pior que emergentes
26/10/2020/ 12:37:25

O Brasil vai terminar 2020 com a pior situação fiscal entre os maiores países emergentes. Com condições desafiadoras tanto em relação às despesas quanto ao crescimento, o País gastou mais para combater a crise causada pela pandemia de covid-19, o que levou sua dívida para quase o dobro da média desses mercados. A fa...

  • Empresa da família de vice de Bruno Covas recebeu R$ 50 mil
Empresa da família de vice de Bruno Covas recebeu R$ 50 mil
26/10/2020/ 12:35:38

Uma empresa da família do candidato a vice-prefeito da chapa de Bruno Covas (PSDB), Ricardo Nunes (MDB), recebeu R$ 50 mil de creches conveniadas com a Prefeitura, para prestação de serviços sem licitação no ano passado. As creches são dirigidas por aliados políticos do candidato, que é vereador desde 2012.A empresa...